Dicas

Especial BNCC: As atividades lúdicas na alfabetização

A partir dessa semana nós vamos fazer postagens especiais sobre alguns temas trazidos pela Base Nacional Comum Curricular (http://basenacionalcomum.mec.gov.br/). A BNCC é uma referência obrigatória para elaboração dos currículos escolares para o ensino infantil e ensino fundamental. O documento, por enquanto, trata apenas da educação infantil e fundamental, mas, em breve, também guiará o ensino médio.

Hoje vamos falar sobre como ficam as atividades lúdicas na alfabetização. Sabemos que o processo ideal para que ocorra a alfabetização é que se tenha um equilíbrio entre as atividades mais repetitivas e outras mais lúdicas, como brincadeiras.

A BNCC estabelece seis direitos de aprendizagem entre crianças de 0 a 5 anos. São eles: conviver, brincar, participar, explorar, expressar e conhecer-se. Com isso, é possível notar que os aspectos lúdicos são fortemente indicados a serem parte da rotina das crianças de forma diversificada e variada.

capa do livro "Reflexões sobre alfabetização"

No livro Reflexões sobre a Alfabetização, da editora Cortez, a autora Emília Ferreiro, descobriu e descreveu a “psicogênese da língua escrita” e abriu espaço para um novo tipo de pesquisa em pedagogia. Ela desloca a investigação do “como se ensina” para “o que se aprende”. O processo de alfabetização nada tem de mecânico do ponto de vista da criança que aprende. A criança constrói seu sistema interpretativo, pensa, raciocina e inventa buscando compreender esse objeto social complexo que é a escrita.

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5207 ms: Connection timed out