Curiosidades

Você sabe o que é um fóssil?

Você gosta de estudar a pré-história? Então vai adorar saber mais sobre os fósseis. Eles são restos ou vestígios de animais e vegetais preservados em rochas. Esses restos comprovam que eles existiram há milhões de anos e através deles os especialistas podem descobrir há quanto tempo morreram ou até mesmo como era seu modo de vida. Mas qualquer vestígio de animal ou vegetal que se é encontrado em uma rocha é um fóssil? Não! Para ser considerado um fóssil, é preciso que ele tenha vivido há mais de 11.000 anos. Os restos ou evidências antigas, mas com menos de 11.000 anos são classificados como subfósseis.

O processo de formação dos fósseis é chamado de fossilização e pode ocorrer de maneiras diferentes. São elas:

Incrustação: ocorre quando substâncias trazidas pelas águas que se infiltram no subsolo depositam-se em torno do animal ou planta, revestindo-o. Ocorre, por exemplo, em animais que morreram no interior de cavernas.

Permineralização: ocorre quando substâncias minerais são depositadas em cavidades existentes em ossos e troncos. É desse modo que se forma a madeira petrificada.

Carbonificação ou incarbonização – ocorre quando há perda de substâncias voláteis (oxigênio, hidrogênio e nitrogênio principalmente), restando uma película de carbono.

O estudo dos fósseis é chamado de Paleontologia, e dentro dessa área de estudo há subdivisões: paleozoologia – estudo dos fósseis animais; paleobotância – estudo dos fósseis vegetais e paleoicnologia – estudo dos icnofósseis, ou seja, das estruturas resultantes das atividades dos seres vivos, como pegadas, sulcos, perfurações ou escavações.

Ah, e que tal criar o seu próprio fóssil? Já demos essa dica aqui no Bloguito. Confira aqui!

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5204 ms: Connection timed out