Dicas

Aprendendo a subtrair

Hoje vamos falar de matemática. De uma das operações que aprendemos ainda muito pequenos, mas que nos ajuda na vida toda: a subtração. Se seu filho estiver com dificuldade nesse assunto, esse post pode ajudar bastante.

Subtração é a operação contrária à adição, ou seja, ao invés de juntar, nós retirando elementos. O sinal usado para essa operação é chamado de “menos” e ele é representado da seguinte maneira: – (um hífen).

Na subtração existem sempre dois números envolvidos: o maior é chamado de minuendo, o menor é chamado de subtraendo e o resultado é chamado de resto ou diferença.

Existem algumas técnicas que ajudam a fazer contas de subtração:

A primeira é a “quantos faltam”. Essa técnica consiste em contar de um em um, a partir do menor (subtraendo) até chegar no número maior, ou seja o minuendo. Por exemplo, na conta 6 – 2 = ? podemos contar desde o 2 até chegar no 6, ou seja: 3, 4, 5, 6, o resultado é 4, pois usamos quatro números para chegar do 2 ao 7.

Adição reversa é outra técnica. Nela, uma conta de adição pode ser transformada em subtração, basta escrever de trás para frente. Essa técnica é útil para resolver contas do tipo ? – 2 = 7. Nesta conta precisamos saber qual é o número que subtraindo 2 é igual a 7. Se fizermos o contrário: 7 + 2 = 9, estaremos usando a adição, que é a operação contrária da multiplicação.

Separação dos números: separe o menor número, ou o subtraendo, em duas partes para facilitar a subtração. Por exemplo, na conta 64 – 33 =?, o número 33 pode ser separado em 30 e 3. Primeiro, complete a conta 64 – 30 = ?, que é igual a 34. Depois, subtraia 3 do restante para ter a resposta final, que é 31.

Além disso, fique sempre atento na hora de fazer os exercícios ou provas. Em problemas com subtração, as perguntas são geralmente: Quanto falta?, Quantos restaram?, Quantos sobraram?

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5206 ms: Connection timed out