Dicas

Por que é importante ir ao dentista regularmente?

Muitas pessoas só vão ao dentista quando estão com algum problema, como dor dores de dente, erupções nos lábios, necessidade de extrações ou implantes, correções ortodônticas, problemas com hálito, entre outros. Mas a verdade é que o cuidado com os dentes e boca deve ser constante, com acompanhamento profissional regular, assim como se faz com todas as outras áreas da saúde.

Para você saber a importância de ir ao dentista regularmente, listamos quatro pontos:

1) PREVENIR PROBLEMAS BUCAIS – Todas as principais doenças do trato bucal podem ser evitadas através do acompanhamento preventivo: desde os problemas mais simples – como herpes, aftas e gengivites – até os mais graves, envolvendo extrações ou tratamentos de canal.

2) PREVENIR OUTROS PROBLEMAS DE SAÚDE – Você acha que o dentista é capaz de prevenir somente doenças do trato bucal? Você está muito enganado. A saúde da boca reflete diretamente na qualidade da saúde do corpo todo. Começando pelo coração: existem bactérias do tártaro dental capazes de atacar o coração, provocando o quadro de endocardite bacteriana – uma séria infecção cardiológica causada pela proliferação de bactérias que habitam a boca e são nocivas ao organismo. Outras grandes complicações podem estar relacionadas à mastigação: problemas ao mastigar podem ser responsáveis por dores de ouvido agudas, e até por quadros de sinusite; também podem comprometer os estágios iniciais da digestão, causando azias, refluxos e outros distúrbios gastrointestinais; podem, ainda, provocar o surgimento de bruxismo, artrite e disfunção de algumas articulações faciais.

3) FAZER LIMPEZA PROFUNDA – Ainda que seus hábitos de higiene bucal diários sejam rígidos e bem executados, a escovação dentária caseira não atinge determinadas regiões mais profundas da boca com o mesmo vigor com que limpa os dentes da frente. Esta limitação dos equipamentos de higiene caseiros propicia o acúmulo de placa bacteriana entre os dentes e na gengiva, deixando o ambiente perfeito para infecções. A ida regular ao dentista também tem função de limpar os dentes mais a fundo, com uso de escovas de maior alcance e flúor de uso profissional.

4) INCENTIVAR AS CRIANÇAS – É na infância que a gente forma hábitos saudáveis. Acompanhe seu filho nas consultas de rotina e o leve junto quando você for consultar. Estimule a criança a conversar com o dentista, a tirar dúvidas e a entender o que está sendo feito, para que o tradicional medo de dentista logo seja desmistificado. Escovem os dentes juntos e ensine à criança os movimentos corretos a se fazer com a escova. Estas pequenas atitudes garantirão um futuro muito mais saudável ao seu filho.

Compartilhe:

Postar um comentário

*
*