Comemorações Curiosidades Dicas

Qual o primeiro país que celebra o ano novo?

Celebrar o ano novo primeiro que todo mundo depende, basicamente, do famoso fuso horário. Mas como as horas são organizamos no nosso planeta? Os fusos horários são linhas imaginárias que dividem o planeta em 24 faixas iguais, de forma que cada divisão tenha 15º de longitude (que correspondem ao ângulo que a Terra gira em uma hora) de uma faixa a outra, contados a partir de um meridiano inicial e corresponda a uma hora.

Os fusos horários são contados de 0 a 180º para oeste e para leste da cidade de Greenwich, uma linha imaginária que é considerada o primeiro meridiano 0°. Como a Terra gira no sentido oeste-leste, a cada 15º, partindo de Greenwich para o leste, as horas aumentam e para o oeste, diminuem. Assim, para saber que horas são em uma determinada cidade é preciso primeiro saber em que meridiano ela está e se está a leste ou a oeste de Greenwich.

Além do meridiano de Greenwich, temos a Linha Internacional da Data. Ela acompanha o meridiano de Greenwich (180º), atravessando o oceano Pacífico. Por convenção internacional, esse meridiano determina a mudança de data civil em todo o planeta. Ao ultrapassar essa linha, rigorosamente no ponto em que ela se localiza, tem-se de alterar a data para o dia anterior (a leste) ou seguinte (a oeste). A Linha da Data se caracteriza pela mudança de dias (hoje e amanhã) e não de horas.

Agora que já sabemos um pouco sobre fuso horário e a Linha da Data, vamos saber qual cidade celebra o Réveillon primeiro? O ano novo começa a chegar, inicialmente, na cidade russa de Uelen, na fria região da Sibéria. Ela está localizada no extremo leste da Rússia, junto ao Estreito de Bering, que divide a Ásia da América do Norte. As ilhas do oceano Pacífico também são conhecidas por receberem o ano novo antes de muitos países e é por isso que milhares de turistas chegam às ilhas para comemorar a chegada do novo ano por lá.

Mas há um fato muito interessante. Países como Kiribati, Tonga e as Ilhas Chatham, que pertencem à Nova Zelândia, estão separados entre si por alguns poucos minutos. Kiribati, por exemplo, é um arquipélago cortado pela Linha da Data. Enquanto a capital Bairiki estará comemorando o 1º de janeiro, as ilhas à leste – que se encontram no meridiano 180º oeste – têm que esperar quase um dia para fazer o mesmo.

 

Postar um comentário

*
*