Curiosidades

A Tocha Olímpica e sua simbologia

A Tocha Olímpica, ou Fogo Olímpico, é um importante símbolo das Olimpíadas. Comemorando o roubo do fogo do deus grego Zeus por Prometeus, sua origem vem da Grécia Antiga, onde o fogo era mantido por toda a celebração nos Jogos Olímpicos da Antiguidade. A Tocha Olímpica, com seu significado ancestral, foi reintroduzida nos Jogos Olímpicos de 1928, e faz parte das Olimpíadas Modernas desde então. O percurso da Tocha Olímpica foi introduzido nos Jogos Olímpicos de Berlim 1936.

Aqui no Brasil, diversos brasileiros tiveram um prazer de participar do revezamento. Um deles foi o recifense Paulino Lamenha. Ele nos contou que conseguiu participar desse momento tão importante porque se inscreveu no site oficial do evento. Lá era necessário contar um pouco da relação da pessoa com as Olimpíadas.”Descrevi que, apesar de ser engenheiro civil formado, trabalho com recreação infantil e, através dos eventos, tento levar o espírito Olímpico para as crianças, mostrando que o esporte é instrumento de socialização e educação.  Fui avançando nas etapas e, dois dias antes da tocha chegar a Recife, recebi uma ligação confirmando minha participação”, conta.

IMG_20160603_225249

20160721_153635

E a emoção? Segundo Paulino não tem palavras para descrever. “A emoção da condução é, de fato, algo indescritivel. Saber que, naquele dia 31 de maio de 2016, das 17.01h a 17.03h eu estava representando as Olimpiadas, é algo inesquecível”, comenta.

Atualmente, a Tocha Olímpica é acessa vários meses antes da Olimpíada no local dos Jogos Olímpicos da Antiguidade, em Olímpia na Grécia. Onze mulheres, representando o papel de sacerdotisas, realizam uma cerimônia na qual a Tocha Olímpica é acendida pela luz do sol com seus raios concentrados por um espelho parabólico.

O revezamento da Tocha Olímpica termina um dia antes da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos. A última pessoa a levar a tocha é tradicionalmente mantida em segredo até o último momento e geralmente é uma celebridade esportiva do país anfitrião. Aqui no Brasil, quem acendeu a pira foi o ex-maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima.  Fogo Olímpico queima na pira até ser apagado na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos.

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5205 ms: Connection timed out