Comemorações Curiosidades

Cada região tem sua tradição

O Brasil é um país muito rico culturalmente. E a mistura dessas tradições, lendas e crenças, é comemorada no dia 22 de agosto, com o Dia do Folclore.  A data foi instituída em 1965 através de um decreto federal.  Mas por que a cultura de um povo se chama Folclore? A palavra surgiu a partir de dois vocábulos saxônicos antigos. “Folk”,  significa “povo” em inglês. Já “lore”, conhecimento. Assim, folk + lore (folklore) quer dizer ”conhecimento popular”. O termo foi criado por um pesquisador europeu, chamado William John Thoms, em 22 de agosto de 1846, quando publicou um artigo intitulado “Folk-lore”. No Brasil, após a reforma ortográfica de 1934, que eliminou a letra k, a palavra perdeu também o hífen e tornou-se “folclore”.

Pelos quatro cantos – O mais interessante é que por ser um país de dimensões continentais, cada região tem suas tradições. Na região Sul a congada, o cateretê, a chula, a chimarrita e a marujada são algumas das danças populares. Entre as lendas sulistas estão o Negrinho do Pastoreio, do Sapé, Tiaracaju do Boitatá, do Boiguaçú, do Curupira, do Saci-Pererê.

Na região Sudeste as lendas do lobisomem, mula-sem-cabeça, Iara e da Lagoa Santa fazem parte do imaginário popular. Na gastronomia, o folclore está presente no tutu de feijão, feijoada e carne de porco.

No Centro-Oeste, o reisado, folia de reis, cururu e tambor são danças que animam as festas populares. Na gastronomia, temos o arroz de carreteiro. Entre as lendas da região estão a do Pé de Garrafa e o Romãozinho.

Aqui no Nordeste, o maracatu, o baião, a capoeira, caboclinhos, congadas e cirandas reinam nas festas populares. E por falar em festa, a região tem várias que mantém forte as tradições locais, como a do Senhor do Bonfim, Nossa Senhora da Conceição, Iemanjá, Missa do Vaqueiro, Paixão de Cristo, romarias – destaca-se a de Juazeiro do Norte, no Ceará.

A região Norte também não é diferente, as raízes indígenas estão bem presentes, como no artesanato, com as máscaras e artigos feitos em palha. As lendas do Norte também fazem parte da vida das pessoas, como a do Curupira, Vitória-Régia, Uirapuru e Boto Cor de Rosa.

E para você, qual das tradições do nosso folclore te chama mais atenção? Conte para a gente.

Fonte: Blog Velhos Amigos

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5208 ms: Connection timed out