Comemorações

Dia de comemorar palhaçadas e malabarismos

Palhaçadas, acrobacias, malabarismos, contorcionismo, equilibrismo, elefantes, leões e muita diversão itinerante. Assim é o circo como o “respeitável público” o conhece. E, nesta semana (27/03), é comemorado o Dia do Circo. Você sabe o motivo da data? É uma homenagem a um dos principais palhaços brasileiros, o Piolin, que morreu aos 76 anos, em 1973. Uma das primeiras escolas circenses foi criada em 1978, pela Academia Piolin, em São Paulo.

Mas desde que o circo foi inventado, muita coisa mudou. Ele começou em Londres, por volta de 1768. Naquela época as atrações eram compostas, principalmente, de ex-militares da cavalaria real se equilibrando sobre os cavalos e os artistas, que se apresentavam nas praças. Há quem diga que já existiam acrobatas e artistas circenses egípcios e chineses na Antiguidade. Aqui no Brasil, ele surgiu por volta de do século XIX.

Antigamente era permitido ter leões no circo, hoje, depois de alguns acidentes, tragédias e maus tratos, eles não são mais permitidos legalmente em inúmeros países e cidades brasileiras. Os primeiros domadores eram guerreiros do Egito, que capturavam as feras selvagens para domá-los em público. E o modelo de circo tradicional foi substituído por um tipo mais tecnológico e moderno, e o mais famoso e reconhecido é o Cirque du Soleil. E você já foi ao circo? Que tal aproveitar a passagem de algum trupe circense pela sua cidade e ir se divertir?

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5207 ms: Connection timed out