Dicas de Leitura

Leituras e aventuras sobre escritas e desafios

A primeira sugestão desta semana está pra lá de legal. Trata-se da obra A secretescrita e o desafio decifradorico, de Francisco Marques. José envia um bilhete para a família, que, ao abrir o envelope, descobre uma enigmática mensagem codificada. Agora, se quiserem que os signos do papel em suas mãos ganhem sentido, vão ter de se empenhar para decifrá-los. Em “A Secretescrita e o Desafio Decifradórico”, o leitor é convidado a participar da narrativa e desvendar os símbolos inscritos no misterioso poema de José, enquanto passeia por um universo cheio de aventuras e enigmas. Para isso, nas orelhas do livro, encontramos o famoso astrogal, um “aparelho de esconder mensagens” inventado por Enéas no século IV antes de Cristo.

secretescrita

Na sequencia, ainda seguindo o tema da escrita, a indicação é a obra Por escrito, de Elvira Vigna. A prosa de Elvira Vigna ocupa um lugar único na literatura brasileira. Na contramão de tudo que soa tradicional ou corrente, a autora vem, desde o fim dos anos 1980, trilhando um caminho próprio, na criação de um universo pessoal que parece se expandir a cada romance ou conto que publica. Com uma linguagem cortante e antissentimental, e uma visão de mundo cáustica e desiludida, os personagens de Elvira caminham trôpegos por cenários de devastação afetiva, emocional e pessoal. Este Por escrito é uma história de separação. Mas engana-se quem espera encontrar aqui mulheres chorando pelos cantos da casa. As vidas de Molly, Izildinha, Valderez e das outras personagens do livro são tão inquietantes e inesperadas quanto a prosa da autora. Por escrito é também uma história de desencontros, em que as pessoas parecem não ver quem está à frente delas. E quem está presente na cena vai sumindo devagarinho sem ninguém notar. Ao nos virarmos para o lado, encontramos apenas quem não esperávamos que estivesse lá. Uma história de esperas, sem Ulisses que valham a pena. E de muitos erros.

por_escrito

Por fim, a dica é um lançamento bem divertido, Diário de um banana 11 – vai ou racha, de Jeff Kinney. A pressão só está aumentando para Greg Heffley. A única coisa que ele é realmente bom é em jogar videogames, mas seus pais querem que ele expanda seus horizontes fazendo algo – qualquer coisa! – diferente. Quando Greg encontra uma filmadora antiga em seu porão, ele acredita ter descoberto exatamente o que precisava para provar que é muito talentoso. Com a ajuda de seu melhor amigo, Rowley, ele planeja fazer um filme de terror… e ficar rico e famoso. Dessa vez, vai ou racha!! Mas será que fazer um filme é um plano inteligente? Ou seria só mais uma receita de desastres para Greg?

diario_de_um_banana

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5206 ms: Connection timed out