Dicas de Leitura

Leituras e histórias fascinantes com cobras

E as férias estão quase chegando ao fim, mas ainda dá tempo de ler bons livros! E já que essa semana falamos de cobras, a sugestão são leituras com esta temática. A primeira sugestão é o livro As serpentes que roubaram a noite, de Daniel Munduruku. Ilustrado pelas crianças da aldeia Katõ, este livro traz mitos contados pelos velhos da aldeia – histórias que nos remetem a um tempo muito distante de nossos dias e que são contadas e recontadas às crianças indígenas como forma de despertar nelas o amor pela própria história e pelas lutas de seu povo. Tocam o fundo do coração e são uma excelente oportunidade de integração com o universo infanto-juvenil indígena e seus valores.

260386-gg

Outra publicação legal é O livro das cobras, de Stela Barbieri. Você acredita que tem um monte de gente que não tem medo de cobra? Aliás, até acham sorte encontrar uma pelo caminho! Nesta obra, você conhecerá um conto brasileiro, um indiano e um africano. Em cada um deles, a cobra possui uma característica diferente. No primeiro ela tem um grande segredo.

1101301-gg

Já no conto indiano, a cobra representa a força e a sabedoria. E no conto africano, a cobra passa por transformações. Depois de ler esse livro, envolvido pela narrativa de Stela Barbieri e pelas ilustrações de Fernando Vilela, você com certeza mudará seu olhar para esse bicho.

Por ultimo, A serpente de sete línguas, de Roberto Benjamim. A Coleção Baobá pretende oferecer sementes; sementes da nossa herança africana; sementes que aproximam a cultura africana à brasileira.

402672-gg

As histórias são escolhidas conectando o leitor a um mundo no qual príncipes, monstros, animais, reis e rainhas permeiam as terras de lá, tanto quanto as histórias daqui. ‘A serpente de sete línguas’ é, assim, o relato da obstinação e humildade de um homem em salvar sua amada, e o seu povo.

Postar um comentário

*
*

Pin It on Pinterest