Dicas de Leitura

Obras para ler enquanto escuta uma boa música

A semana está bem inspiradora, afinal comemoramos o Dia Internacional da Música. Por isso, nada mais adequado do que sugerir leituras que falem sobre o tema. A primeira sugestão é o Dicionário Visual de Música, de Susan Sturrock. Esta obra, revisada pelo maestro Júlio Medaglia, apresenta uma introdução visual à linguagem especial da música e aos instrumentos musicais, incluindo fotografias coloridas com comentários explicativos de cada um dos principais grupos de instrumentos. Uma ótima dica para conhecer melhor sobre o assunto e até mesmo aprender.

dicionario_musica

A segunda sugestão é o Maluquices musicais e outros poemas, de Jose Santos. Nesta obra, o autor apresenta rimas e adivinhas sobre o mundo da música. Nas páginas ilustradas pelo inspirado Guazzelli, surgem músicos muito originais tocando incríveis instrumentos, tudo embalado em versos e histórias que encantam e divertem. Ao lado de personagens reais, como Chopin, Villa Lobos, Modesto de Assis e Mozart, surgem outros criados pelo poeta, como o pianista banguela, o teclado deslumbrado com a fama, o esqueleto tocador de harpa e muitos outros. Na base de tudo, o texto nos lembra, em ritmo e cadência, que poesia e música são antigas e eternas companheiras.

maluqices_musicais

Por último, a dica é O urso com música na barriga, do renomado autor Erico Verissimo, ilustrado por Eva Funari. A importância das relações afetivas e o desafio de expressar os próprios sentimentos são os principais temas de O urso com música na barriga, um clássico para crianças de autoria de Erico Verissimo, um dos maiores escritores brasileiros.

urso_musica_barriga

Publicado pela primeira vez em 1938, o livro conta a história de uma família de ursos que mora no Bosque Perdido, um lugar onde a bicharada faz a festa: o Tucano-Narigão declama versos, o Macaco-Patusco vende frutas no mercadinho, a Vaca-Amarela fornece leite para a freguesia e o Jacaré-Deixa-Estar tenta engolir a lua refletida na Lagoa Espelho. A vida era calma na família do Urso-Pardo, marido da Ursa-Ruiva e pai do Urso-Maluco. Até que uma ideia de Dona Ursa-Ruiva muda toda a história: ela decide encomendar à Cegonha uma irmãzinha para o Urso-Maluco. Este, todo animado, escreve uma carta à Cegonha-Cor-de-Rosa pedindo não uma irmãzinha, mas um irmãozinho – e com música na barriga. O pedido do Urso-Maluco é atendido e começam as aventuras de um urso diferente.

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5205 ms: Connection timed out