Dicas

Estimulando o aprendizado através da música

Já pensou em aprender ou ensinar conteúdos por meio da música? A musicalidade estimula o cérebro e a inteligência. Transformar conteúdos em musica pode ser um caminho para aguçar a cognição da criança ou até mesmo do adulto. Afinal, assimilar informações por meio de ritmos e instrumentos pode facilitar o aprendizado e socialização e a expressão oral e corporal.

A música pode ainda ser um caminho pra descontrair o ambiente e a rigidez de uma sala de aula. Muito se fala em inteligência musical. Nada mais é do que uma aptidão para reconhecer ritmos, sons, cantar e ter gosto por instrumentos musicais. Mas isso não significa que você precise aprender a tocar um instrumento ou saber cantar para entender um assunto de matemática, por exemplo.

A ideia de Inteligência Musical vem da década de 1980, através do psicólogo Norte Americano chamado Howard Gardner. O estudioso desenvolveu pesquisas sobre inteligências múltiplas. A ideia diz que os humanos possuem diversas inteligências, entre elas, a sonora e musical.

Há muitos cases de sucesso de educadores que se utilizam desse recurso para facilitar o ensino e aprendizagem de diversas disciplinas: ciências, história, matemática e tantos outros. A música estimula determinadas partes do cérebro, em algumas pessoas mais e outras menos. Se seu filho tem sensibilidade e se emociona ao ouvir determinada música, consegue memorizar músicas com facilidade, gosta de cantar, dançar e gosta de algum tipo de música, provavelmente, ele tem aptidão e inteligência musical. Será um bom caminho para o aprendizado. Há ainda outra forma de memorizar através da música, que é ouvir determinados tipos de ritmos ou estilos musicais enquanto estuda ou lê algum conteúdo. Que tal fazer o teste? Você pode começar com música clássica, rock, música instrumental ou outro tipo de som que a criança já mostrou interesse.

Uma outra forma de estimular a inteligência musical na infância é para o bebê e chamar atenção dele com diversos tipos de sons com objetos diversos. As cantigas de roda também são uma maneira delas se familiarizarem com os sons. Outra opção é estimulá-los a tocar um instrumento desde cedo. Ao chegarem na adolescência, será muito mais fácil brincar com sons e música e obter novos conhecimentos, e quem sabe, você terá um futuro artista em casa?

Música na Educação Infantil - Propostas para a Formação Integral da Criança

Dica de leitura: Música na Educação Infantil – Propostas para a Formação Integral da Criança. Neste livro, Teca Alencar de Brito reúne reflexões teóricas e sugestões práticas de caminhos da educação musical contemporânea com base em seu próprio trabalho e de pesquisadores como Delalande, Paynter, M. Schafer e Koellreutter, entre outros, e oferece aos educadores que trabalham com crianças em idade pré-escolar a possibilidade de enxergar a múscia como instrumento riquíssimo de formação integral do indivíduo. http://www.varejao.com.br/Livro/30458/MUSICA-NA-EDUCACAO-INFANTIL—PROPOSTAS-P/A-FORMACAO-INTEGRAL-DA-CRIANCA

Compartilhe:

Postar um comentário

*
*