Curiosidades

Será que você é daltônico?

Já pensou se ao chegar em frente a um semáforo você não conseguir identificar se o sinal está vermelho ou verde? Achou estranha a pergunta? Pois saiba que tem gente que não consegue saber se o sinal está verde ou vermelho por um simples motivo: é uma pessoa daltônica.  Isso é uma doença? Não! É na verdade uma anomalia que acomete algumas poucas pessoas e está ligada ao sexo, sendo causada por um gene localizado no cromossomo X. Raramente acomete as mulheres e é geneticamente hereditária e recessiva.

A pessoa daltônica possui uma espécie de cegueira parcial para as cores verde e vermelha. Por exemplo, se há um círculo vermelho com algum número desenhado em verde dentro dele, provavelmente o daltônico não irá enxergar, apenas identificará um circulo marrom.

O daltonismo é conhecido também como discromatopsia ou discromopsia. A característica principal é a dificuldade em se distinguir o vermelho e o verde e, menos frequentemente, o em distinguir o azul e o amarelo. Em sua minoria, há daltônicos que enxergam apenas tons de branco, cinza e preto.

O daltonismo leva esse nome porque foi descoberto pelo químico inglês John Dalton, em 1974, quando fez um estudo e revelou que possuía dificuldade para distinguir a cor verde da vermelha. Acaso seja percebido que um coleguinha ou uma criança próxima de você tem dificuldades de ver certas cores, o ideal é levar a um oftalmologista para diagnosticar. Ele não tem cura e a pessoa daltônica não deve exercer funções que precisem da visão total da cores, bem como adquirir carteira de motorista.

Compartilhe:

Failed to connect to api.facebook.com port 80 after 5206 ms: Connection timed out